terça-feira, outubro 31, 2006

uma história muito mal contada


Esta história das “dívidas de facturação” da EDP parece ser uma história muito mal contada. Senão vejamos:

A EDP somou, em 2005, lucros superiores a mil milhões de euros.
A EDP vendeu em Dezembro último as posições que detinha na Galpenergia ao empresário Américo Amorim, isto quando já se sabia que a Galp iria entrar em Bolsa. Tais posições valem hoja mais 408 milhões de euros, digo bem, não é engano, mais 408 milhões de euros do que valiam em Dezembro. A EDP perdeu assim com o negócio, 408 milhões de euros em apenas 10 meses. Valor que daria por certo para amenizar ou mesmo anular, não sei, as dívidas que quer fazer pagar aos consumidores. Por outro lado, com um negócio destes tão ruinoso, não haverá que pedir responsabilidades aos gestores da EDP?

Depois vem a "agitação" dos responsáveis das eléctricas que operam em Portugal – Iberdrola, Endesa e Enel. Dizem estes senhores, com o atrevimento característico dos grandes patrões, “ que acabou a era da electricidade barata”. Claro que incentivados pelas intervenções do secretário de Estado Guerra Pinto culpando os consumidores pelas “dívidas de facturação” da EDP. Aliás não se entende bem esta história das “dívidas de facturação”, quando a EDP registou lucros de mil milhões de euros em 2005.

Não será apenas tudo isto uma campanha, muito bem orquestrada, para permitir a liberalização – aumento dos preços da energia e conceder ganhos e mais valias às Iberdrolas e companhia?

6 Comments:

Anonymous Anônimo said...

Também me parece tudo muito esquesito

11:41 AM  
Blogger ruy said...

na mesma linha de raciocínio e em aditamento ao POST vem hoje no CM reproduzidas as palavras de Manuel Pinho
"Nós vivemos num mundo de energia cara e temos de nos habituar a isso”. Foi assim que ontem, em Viana do Castelo, Manuel Pinho, ministro da Economia, justificou o facto de o investimento em energias limpas e renováveis, como as eólicas, se traduzir em aumento de custos para os consumidores.

12:01 PM  
Anonymous Anônimo said...

Olhe caro BLOGGER que tudo não é para facilitar a vida ao cidadão...isso não é não.
É que esta rapaziada não sabe ser comedido, é tudo à ganância!!
E depois lá vêm as medidas duras....ele é congelamentos...ele é nacionalizações...viagens à pressa ....eu sei lá!!
Aliás com as tarifas da electricidade , adeus aquecimento!?
E ,se não, quanto a nacionalizações é só olhar para o orçamento no que respeita à função pública. Fica tudo em gêlo siberiano !?
Aliás anda tudo a trabalhar doidamente na função pública, como sabe, com todas as anunciadas medidas ditas "estruturais". Não há uma para a amostra. Até as multas, taxas e coimas são iguaizinhas. Até os tipos de sociedades comerciais são os mesmos.
Talvez se altere o casamento....De resto não se alterou nada!! Estrutural só a falência a curto prazo do País inteiro.

Se não, veja :
Olhe o que eu sei é que fiquei siderado com o DN de hoje sobre " Hospitais contratam médicos tarefeiros " . Vale a pena ler e.... emigrar. Sabe caro amigo cada vez tenho mais a sensação de que se calhar é de propósito que se está a dar cabo deste País.
Leia ...leia e veja como se está a caminhar não sei para onde...mas nós advinhamos:

mesmo DN, Pág. 4 " PSD/Madeira diz que Flama vai ressuscitar"

Mesma Pág. Guilherme Silva acusa no Parlamento " O desplante de não cumprir a Constituição"

Mesmo DN. Pág 6 : " PSD continua a suspeitar de favorecimento nas Scut"

Mesmo DN pág 16 Sobre os médicos tarefeiros e Ordem dos Médicos: " Bastonário "Colocaram a tónica no dinheiro, os médicos aprenderam e também querem o negócio"
e...." mesmo DN e pág. "Tarefeiros custam 40 euros por cada hora de trabalho" ou " "tradutor alcoólico ajudava médico no consultório" ( mesmo local)
Olhe caro BLOGGER nem sei se continuo a comentar. Porque se calhar desisto e....vou mas é ver a Marie Antoinette. ...e ver se aprendo alguma coisa com a época dela!
Boa noite!

6:43 PM  
Anonymous Anônimo said...

Quando há borrasca...lá está a gordinha da mota!

7:06 PM  
Anonymous Anônimo said...

Caramba!!!!
Tanto lucro ?

Como é que isso se faz?
Em que escola de gestão é que se aprende isso ?
Uns a ganhar e outros a ver?

Será mesmo assim' Em Portugal ?

7:11 PM  
Anonymous Anônimo said...

Por acaso gosto de ver a gordinha da mota!....

12:28 AM  

Postar um comentário

<< Home