segunda-feira, novembro 29, 2010

Portugal e o euro.


No período 1992-2001, a taxa média anual de crescimento económico na Zona Euro foi de 2,1% enquanto que em Portugal foi de 2,9%.
Com a nossa entrada no euro em Janeiro de 2002, com os Pactos de Estabilidade, com os “ajustamentos” da nossa economia aos desígnios da EU, deu-se precisamente o inverso. Portugal passou a decrescer mais do que a EU. Entre 2002 e 2009, a média das taxas de crescimento na Zona do Euro baixou para 1%, mas a de Portugal desceu mais ainda, para apenas 0,4%.
As previsões do FMI para o período 2010 -2015 revelam que este declínio vai continuar. Segundo o FMI a média das taxas anuais de crescimento anuais no período 2010-2015 será de 1,4% na Zona do Euro e de somente 0,8% em Portugal.

Marcadores: ,

3 Comments:

Anonymous Anônimo said...

Está-me cá a parecer que para a UE Portugal afinal é um tubo de ensaio ....

4:20 PM  
Anonymous Anônimo said...

Coitaditos dos franganotes...estão mesmo esmifradinhos de todo...pelo pescoço...

..como nós que já nos falta o ar...!!

7:22 PM  
Blogger skeptikos said...

«Está-me cá a parecer que para a UE Portugal afinal é um tubo de ensaio ....»

E foi assim que nos f****ram "in vitro" com o "menino de ouro do P$"!

12:18 AM  

Postar um comentário

<< Home